Enquanto isso, no Nobres do Grid…

(…) No final, Vettel pediu desculpas a Webber e à equipa, mas comprou uma guerra com o australiano e criou um embaraço dentro da equipa. Mas ele fez cair a máscara da “igualdade” que os energéticos muito gostavam de afirmar aos quatro ventos. Daí a resposta irónica de Fernando Alonso no Twitter, após a corrida: “Tive pena de não ter estado no pódio. Nós na Ferrari nós resolvemos esses problemas há algum tempo”. Sim, sabemos na Scuderia quem é o cavaleiro e o escudeiro…

Em suma, tudo se resume ao velho dualismo entre o bem maior da equipa e o egoísmo do piloto. Sobre isso, o veterano jornalista britânico Gerald Donaldson colocou no seu blog, F1 Speedwriter, uma citação de Ron Dennis, onde afirma: “Todos nós temos um intenso desejo de vencer, e esses desejos colocam-te [como director de equipa] numa situação complexa, pois traz o melhor e o pior dos indivíduos. Se conseguires encontrar as suas fraquezas, nós como equipa, poderemos compensá-lo. Daí a razão para ter uma grande estrutura atrás dele: tem a ver com o apoio da equipa ao piloto através dos mecânicos e dos engenheiros”.

Mas também há outra razão para toda esta agitação, mais profunda e do domínio psicológico: começa a existir uma certa aversão a Vettel. Por vencer constantemente, por exibir o seu contentamento quando vence – o famoso dedo indicador esticado – e por ser alemão. No último caso, as pessoas lembram-se do que foi a Formula 1 sobre o domínio de Michael Schumacher, que venceu constantemente e cometeu algumas manobras fora da lei, como em Melbourne 1994 e Jerez, em 1997. Vi muitas imagens jocosas ao longo deste dia que o colocam Vettel lado a lado com Schumacher, e de uma certa maneira começa a acumular-se um certo ódio a Vettel. 

E isto tudo fez lembrar-me a confusão que foi no último GP do Brasil e a famosa manobra da Curva 3, onde muitos juraram a pés juntos que ele tinha passado sob bandeiras amarelas, porque estavam a ver o indicador no carro, quando depois foi mostrado que havia um comissário de pista a mostrar bandeira verde naquela curva. No fundo e no final, as pessoas já estão fartas de ver o alemão a vencer porque querem ver Alonso, ou Hamilton, ou outro piloto a ganhar. Não tem a ver com as manobras dele ou se ele é leal ou não. Apenas querem ver Vettel perder, porque estão fartos de o ver ganhar.” (…)
Como sabem, o resultado do GP da Malásia deu pano para mangas, e muitos decidiram que Sebastian Vettel era o mau da fita neste caso, por ter desrespeitado as ordens de equipa e ter ido para cima de Mark Webber, com o objetivo de ganhar o GP da Malásia. No dia a seguir, escrevi este artigo para entregar ao responsável pelo site “Nobres do Grid”, para tentar explicar as razões pelos quais houve uma tamanha aversão a Vettel, apesar de ter sido Mark Webber quem fez as manobras mais intimidantes. E claro, nesta coisa, descobrem-se algumas verdades inconvenientes…
O artigo está publicado há alguns dias, mas caso ainda não o leram, estão convidados a aparecer no site e ler o resto.
Anúncios

2 pensamentos sobre “Enquanto isso, no Nobres do Grid…

  1. Gosto imenso do que escreves, e admiro o teu ponto de vista. Mas neste caso, estou como escreveu o Flávio Gomes do Brasil… "homem que senta à mesa, aceita um contrato e um trato, e no fim manda tudo às malvas apenas pela obsessão pessoal, indo contra aquilo que acordou, isso ,desculpe, não é de homem. Isso é traição. É faltar à palavra. Isso é ser canalha. Não tinha dito que sim a esse acordo".E por mais que se tente justificar o óbvio, o acessório ou o concreto, isto, nunca mais lhe sai de cima. Traiu. Não cumpriu. Ele agora que se vire. Vou gostar de ver.

  2. "Na Ferrari resolvemos esse problema a tempos"Onde lê-se "problema" leia-se "Alonso, Massa is faster than you, so what we do??"Estamos num estágio muito delicado em nossa querida Formula 1..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s