Paul Walker morreu devido a uma arrancada fatal?

Ouvi uns rumores ainda no domingo à noite, mas decidi não comentar, porque prefiro ficar á espera de mais pormenores. Mas hoje, quem lança a desconfiança é o site americano Jalopnik, que afirma que o acidente mortal de Paul Walker, neste sábado, em Santa Clarita, a California, poderá ter devido a uma arrancada (ou “street racing”) entre o Porsche Carrera GT… e um Honda S2000.

Desde domingo que se sabia que a policia estava a investigar marcas de pneus no asfalto, e que um dos videos que documenta o acidente terem sido tiradas de um carro em andamento, nomeadamente um BMW Série 3 azul, com indicações de que teria sido preparado por “tunning”. Mas segundo diz o Jalopnik, a CNN noticiou esta segunda-feira que a policia recebeu indicações de que um segundo carro estaria no local do acidente. “Naturalmente, do ponto de vista investigativo, teremos de ver se o “street racing” foi em elemento determinante“, afirmou o Sargento Richard Cohen, da Los Angeles County Sheriff. 

Para além disso, outra fonte fala de outra hipótese para o acidente: que o carro poderia ter tido um problema mecânico. Uma fonte ligada à Always Envolving, a casa de “tuning” pertencente a Roger Rodas e Walker, disse ao site TMZ que poderia ter havido um problema com a direção assistida do carro. Um rastro de liquido foi visto no asfalto, na trajetória de embate do automóvel, e há noticias de que os bombeiros tiveram dificuldades em combater chamas que vinham da parte da frente do carro, quando normalmente, o motor está na parte de trás. O que pode ser consistente na tese de fuga de óleo. Contudo, nenhuma dessas informações foi confirmado pela policia.

Contudo, uma testemunha confirma a tese de que ambos morreram devido à perda de controle do Carrera GT. Jim Torp contou a sua versão ao site Hollywood Life:

Eles deveriam estar a guiar há cinco ou seis minutos quando o carro se despistou. [não deveriam estar a fazer street racing] porque havia dois carros patrulha na vizinhança, devido à grande quantidade de carros de alta performance naquele evento.

Jim estava no local da concentração quando ouviu um grande estrondo, mas ligou pouco: “Existe um edifício atrás da Always Envolving onde se produzem efeitos especiais, e muitos julgaram que o barulho viria dali, mas o meu instinto me disse que poderiam ser Roger e Paul“.

O acidente nada teve a ver com corridas de rua. Roger perdeu pura e simplesmente o controlo, não entraram em pião ou algo assim. Eles bateram em quatro árvores e um poste de iluminação, e somente depois de bater em mais uma árvore é que o carro acabou por parar.“, concluiu.

Em suma, todas as hipóteses poderão estar em cima da mesa. Veremos o que as investigações irão trazer.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s